Quarta-Feira, 20 de Fevereiro de 2019

Wagner Araujo

Estudante de Publicidade e Propaganda, que acompanha sempre novidades na Websfera, músicas, programação cultural e notícias do Brasil e do mundo

Ver todas as colunas

Novos negócios: A importância do SEO



Muito se ouve falar sobre SEO e Google quando falamos de obter resultados na internet, empresas tradicionais precisaram aprender sobre esse universo e os empreendedores precisam iniciar seus negócios já investindo nessas áreas para ter chance em um mercado cada vez mais competitivo e conectado. Sinonimo de investir no crescimento direto da sua empresa. Se você não sabe o que é SEO e como isso impacta e influencia no seu negócio, esse artigo vai te apresentar essa técnica, que se bem elaborada pode trazer bons frutos. 

Para começar, vamos entender um pouco o mundo digital: Somente no Brasil, somos 52,7 milhões de usuários ativos, que acessam a internet ao menos uma vez por semana. Desse número, 87% usam a internet para buscar por produtos e serviços, sendo que 70% dessas pessoas confiam em opiniões publicadas online.

Com tanta gente online, navegando e buscando por produtos e serviços, cada vez mais empresas, de todos os portes e ramos, criam seus sites esperando novos negócios serem feitos. Aí entra o nosso primeiro problema: com tantos concorrentes, que garantia eu tenho de que serei encontrado? Pois é, sua garantia é o título desse site: o SEO (Search Engine Optimization).

O primeiro passo para entender essa técnica (sim, SEO é uma técnica), é entender a lógica do usuário: ao procurar por qualquer termo em um buscador (Google, Bing, etc), o site apresenta um ranking.

O Google nos retorna um ranking com vários sites ligados ao termo pesquisado. Em primeiro lugar neste ranking, esta a página inicial do site. E é isso o que faz o SEO: ele otimiza o seu site para aproveitar melhor (otimization) os mecanismos (engine) de busca (search).

Agora que entendeu o real motivo desta técnica, vamos analisar uma outra situação: vamos supor que a sua empresa seja do ramo de comércio de brinquedos. Existem milhares de empresas deste mesmo ramo, e por isso, muito provavelmente, a pessoa não irá buscar pelos seus produtos escrevendo o nome da sua marca, mas sim por “comprar brinquedos”. E é aí que entra a verdadeira técnica: Fazer com que o seu site fique nos primeiros lugares do ranking com termos ligados à sua atividade empresarial! E é aí que você começa a realmente ganhar dinheiro na internet.

E se nós já percebemos, imagina a concorrência, e se a concorrência já percebeu, com certeza já estão usando técnicas de SEO para melhorar seu posicionamento em buscadores, sobretudo junto ao Google. Se você não quer ficar para trás, vamos apresentar abaixo algumas dicas básicas para que você possa começar a aplicar algumas técnicas de SEO por conta própria.

1 - Entenda o seu público

Se você tem uma empresa e oferece algum tipo de produto ou serviço, com certeza conhece bem o seu público alvo. A questão é: é este público que você está atingindo na internet? Essa resposta pode ser obtida através do monitoramento do tráfego do seu site. Você pode fazer isso através do Google Analytics. Trata-se de uma ferramenta gratuita do Google para analisar e mensurar todo o tráfego do seu site. A instalação é bastante fácil e existem milhares de guias na internet para que você busque auxílio, caso surja alguma dúvida.

2 -Conheça suas ferramentas

Falando em Analytics, é importante que antes de qualquer coisa você conheça muito bem as ferramentas que está utilizando online. A plataforma que o seu site está utilizando, as redes sociais que você participa, as ferramentas que você insere. Todos esses fatores influenciam muito na sua campanha e serão decisivos quando for colocá-la em prática. Exemplo disso é um erro comum que pequenas empresas iniciantes na internet costumam cometer, que é confundir o WordPress.com com o WordPress.org (ambas são plataformas para gerenciamento de websites, mas cada uma com suas peculiaridades). Muitos donos de sites reclamam da plataforma .com, pois sentem dificuldades na otimização do site. A explicação é que a melhor plataforma é a .org, que possibilita diversas alterações mais avançadas, fundamentais para a otimização ser realizada corretamente. Mas nessa segunda modalidade e preciso hospedar o site por exemplo. Como se pode ver, uma confusão simples - com um domínio parecido, mas diferente - já pode trazer problemas!

3 - Esboce sua estratégia

Coloque no papel exatamente aonde você pretende chegar, sempre com objetivos claros e atingíveis. Pesquisa sua concorrência, veja quais técnicas eles utilizam e como eles se comportam na web. Busque boas referências em redes sociais e coloque tudo isso no papel. Ter uma base para comparar aonde você está e aonde você deve estar é extremamente importante para os negócios. Depois que tiver um esboço da sua estratégia, é hora de colocar a mão na massa!

4 - Ao trabalho!

Agora é hora de colocar os planos em prática. Busque tutoriais que te ajudarão a otimizar o seu site. Entenda conceitos como titles, descriptions, tags e keywords. Entenda como aplicar essas técnicas. Esteja presente nas redes sociais. Busque informações de boas práticas em cada uma delas e saiba qual é a melhor abordagem nas diferentes redes. No final, vale um estudo financeiro para investir em boas agências de marketing digital que farão este trabalho para você!












Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.