"/>

Domingo, 18 de Agosto de 2019

Ângela Schiezari Garcia

Educadora física; fisioterapeuta; osteopata;
radiestesista genética; microfisioterapia em formação.
Terapeuta de self-healing,leitura biológica, pós-graduada em ginástica postural corretiva,em fisiologia do exercício e em personal training.
Estágios:
* Laboratório do Comportamento Motor da Escola de Educação Física e Esportes da USP.
* Condicionamento Físico e Reabilitação Cardiovascular na Unidade de Reabilitação Cardiovascular e Fisiologia do Exercício do INCOR HC – FMUSP.
Escritora, com livro de poesias "A Real Dualidade", publicado em 2007.

Ver todas as colunas

O que é treinamento funcional CORE 360 - Parte 1



 

 

O que é treinamento funcional (Core 360 º) - Parte 1

 

A palavra funcional significa “algo que foi concebido e executado para ter maior eficiência nas funções que lhe são próprias; que possui eficácia, prático, utilitário”. O Homem sempre precisou desempenhar com eficiência as tarefas diárias, na garantia da sobrevivência em situações extremamente adversas. O processo de Evolução o obrigou a novas adaptações e consequentemente a descoberta de novas habilidades.

O Treinamento funcional, por meio de exercícios relacionados com a atividade específica do indivíduo transfere ganhos de forma efetiva para o seu dia-a-dia e condiciona de forma plena todas as capacidades de força, velocidade, equilíbrio, coordenação, flexibilidade e resistência.

Atletas de elite, idosos, jovens, donas-de-casa podem desenvolver com proficiência qualquer atividade e se beneficiar do modelo CORE 360º, que se adapta às necessidades do indivíduo.

CORE 360 é o centro de produção de força, geração de estabilidade e absorção de impacto do corpo. Essas ações são realizadas em 360º quando estamos em movimento. Esses 2 termos básicos relacionados ao treinamento funcional, dão nome a metodologia de aplicação desse conceito, criada pelo professor Luciano D’ Elia e pela Body Systems Latin America.

Os princípios básicos do treinamento - Tratar o corpo e o indivíduo como seres únicos e complexos:

1.  Princípio das diferenças individuais - programas pessoais e intransferíveis

2. Princípio da supercompensação - o corpo adapta-se aos estímulos recebidos. Quando stress é maior do que ele está preparado, ocorre supercompensação.

3. Princípio da sobrecarga- para que haja supercompensação é preciso que o estímulo seja maior do que o corpo está acostumado. A sobrecarga é a maneira de fornecer estímulo para que o corpo se adapte e deve ter certo grau de intensidade, frequência e duração do estímulo (aumento de peso, velocidade do exercício, intensidade do treino e complexidade do exercício).

4. Princípio da adaptação específica às demandas impostas - o corpo adapta-se aos estímulos de maneira altamente específica. Para se tornar mais resistente é preciso fazer treinos de resistência. O treino precisa ser específico para ser eficiente.

5. Princípio da síndrome geral de adaptação - O stress (sobrecarga aplicada para que haja adaptação) faz com que o corpo passe por 3 fases: fase de alarme; de resistência e de exaustão. Estas fases demonstram que é preciso haver períodos de baixa ou nenhuma intensidade entre os estímulos impostos ao corpo. Treinar forte o tempo todo não trará adaptações e pode causar over training.

6. Princípio do uso e desuso - Se o corpo não for usado perderá os benefícios conseguidos através da supercompensação.

7. Princípio da especificidade - Quanto mais específico e mais semelhante à atividade almejada for o treino, maior a probabilidade de transferência dos ganhos de desempenho do treinamento para a atividade.

8. Princípio da variação- É essencial para que a adaptação continue ocorrendo em programas longos de treino, combinando diferentes equipamentos, movimentos, velocidades e planos de movimento, conseguindo enorme variação do treinamento no trabalho das habilidades motoras.

Características principais:

 O programa se adapta ao indivíduo, e não o indivíduo ao programa.

 Integra habilidades motoras.

 Busca saúde, desempenho e boa forma.

 Treina movimentos e não somente músculos.

 Altamente motivador, pela quantidade infinita de variáveis.

Dinâmico na prescrição, execução e avaliação.

 

 

Ângela Schiezari Garcia

 

CREF 000690-G /SP - CREFITO 162573-F

- Educadora física e fisioterapeuta

- Osteopata, terapeuta self-healing e de leitura biológica

- E-mail: angela.garcya@terra.com.br

 

Studio Prátik – Rua Pedro Vaz, 291 – Centro – subida da Aeronáutica.

Fone: (11)4784-6289

 

 










Imóveis em Jundiaí

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

O mercado de Aluguel de louças aumentou (e ficou ainda mais qualificado) de uns anos para cá. Um exemplo? Outro dia estava organizando uma lista de materiais que precisariam ser alugadas (Aluguel de louças para festas) para um festa



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.