Domingo, 25 de Agosto de 2019

Maurício Seriacopi

* Maurício Seriacopi é especialista em consultoria a empresas familiares, palestrante, escritor, coach, gestor e consultor empresarial com formação em marketing e gestão empresarial.
Fundador Presidente do ITE - Instituto Transformar de Empreendedorismo.
Sócio-diretor da M2R2 Consultoria Empresarial
Autor do livro "Pensamentos. Criando novas ideias, inovando e aplicando à vida" e diversos artigos sobre empreendedorismo, carreira, gestão de pessoas, motivação, entre outros, publicados no Brasil, Portugal e América Latina.

Ver todas as colunas

VOCAÇÃO. COMO DESCOBRIR A SUA?



“Não tenha sentimento de culpa se não souber muito bem o que quer da vida. As pessoas mais interessantes que eu conheço não tinham, aos 22 anos, nenhuma idéia do que fariam na vida. Algumas das pessoas interessantes de 40 anos que conheço ainda não sabem”. Trecho extraído do vídeo Filtro Solar.

Por que demoramos tanto para encontrarmos nossa real vocação?

Desde pequenos somos altamente influenciados e pressionados a decidir por uma carreira que nos gere sucesso em tudo; pessoal, profissional, financeiro, social e por aí vai.

Os primeiros influenciadores são nossos pais, que por muitas vezes, desejam realizar em nós seus sonhos não realizados. Depois, os pais de nossos amigos, vizinhos, parentes e até celebridades.

Julgo que a maior dificuldade em descobrimos nossa vocação e o que realmente nos fará felizes, é o fato de darmos mais importância aos resultados que serão alcançados, ou seja, às consequências de nossas escolhas, do que propriamente a prática de atividades prazerosas.

Mas como aliar todas as necessidades de conquistas materiais com a prática de atividades profissionais prazerosas?

Meu conselho começa pela quebra de paradigmas, e aí, é como mexer num vespeiro. Primeiro, é necessário acreditarmos profundamente que dinheiro é consequência e não causa. No entanto, até chegarmos nessa maturidade, é preciso que enfrentemos muitos desafios, como os “pessimistas de plantão”.

Pessimistas de plantão são aquelas pessoas medrosas, por muitas vezes fracassadas ou que invejam o sucesso alheio e para que outras pessoas não venham a serem sucedidas, fazem de tudo para desestimulá-las de suas crenças e sonhos.

Outros dois aspectos fundamentais são: planejamento e coragem. É importante ter um planejamento claro e com datas definidas para se saber quanto tempo será necessário atuar profissionalmente para atender as necessidades básicas e obter uma boa reserva financeira como segurança. Já a coragem, deve estar presente em todos os momentos de tomada de decisão; desde a escolha da atividade a ser exercida à quantidade de tempo e dedicação que serão investidos, e com todos os riscos a correr.

Na prática, aconselho que aproveite ao máximo todas as chances de trabalho, procurando diversificar os segmentos, cargos e funções. Não se restrinja a permanecer vinculado a uma empresa pelo que ela oferece apenas de remuneração e benefícios, mas sim no reconhecimento e oportunidade de satisfação. Mude tantas vezes quantas forem necessárias.

Por fim, acredite que suas realizações, profissional e financeira, serão resultados da sua satisfação e entrega pessoal.

Afinal, você só descobrirá que o sabor de uma pizza poderá ser mais gostoso e prazeroso, quando for a pizzaria e ousar mudar o pedido tradicional.

“Deus nos deu o talento. Cabe-nos fazer descobrir, despertar e mantê-lo vivo”.










Imóveis em Jundiaí

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

O mercado de Aluguel de louças aumentou (e ficou ainda mais qualificado) de uns anos para cá. Um exemplo? Outro dia estava organizando uma lista de materiais que precisariam ser alugadas (Aluguel de louças para festas) para um festa



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.