Domingo, 25 de Julho de 2021

16/6/2011 - Jundiaí - SP

Cidades Digitais - Jundiaí é 1ª no Estado e a 5ª no Brasil




da assessoria de imprensa da prefeitura de Jundiaí

Depois de conquistar a posição de melhor cidade do Brasil em saneamento básico (Instituto Trata Brasil), ser considerada a 2ª melhor cidade em Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), entre as cidades com mais de 300 mil habitantes, e de ser a 9ª economia do Estado e 23ª do Brasil, Jundiaí acaba de receber mais uma premiação: é a 1ª colocada no Estado de São Paulo e está em 5º lugar no ranking nacional no Índice Brasil de Cidades Digitais, criado pelo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPqD), entidade privada com sede em Campinas, em parceria com a Momento Editorial. Trata-se de uma espécie de Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), que, em vez de indicadores sociais, tem como foco a cidadania digital.

Para medir o nível de digitalização das cidades no Brasil, o CPqD criou um questionário de 15 perguntas formuladas a partir de critérios relacionados à infraestrutura tecnológica – equipamentos, cobertura geográfica –, disponibilidade de serviços digitais e recursos de acessibilidade – para pessoas com deficiências físicas ou analfabetas. O questionário foi respondido por cem municípios, de todas as regiões do Brasil. Desse total, 75 foram validados após checagem dos dados e seu cruzamento com informações da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e do IBGE.



Para receber o prêmio em nome da cidade e representando o prefeito Miguel Haddad, esteve presente na solenidade realizada nesta terça-feira (14) no Hotel Maksoud Plaza, em São Paulo, o diretor-presidente da Companhia de Informática de Jundiaí (Cijun), Daniel Bocalão Júnior. A Cijun é responsável pelo desenvolvimento de toda a estrutura que permite à Prefeitura oferecer ao munícipe mais de duas dezenas de serviços virtuais. Para Bocalão, Jundiaí teve reconhecida a sua capacidade de se relacionar com o cidadão para atendê-lo nas mais diferentes necessidades. “No ranking nacional, ficamos na frente de potências como São Paulo e Campinas, o que mostra como estamos adiantados na questão da tecnologia da informação na gestão pública”, comemora Bocalão, destacando que esse é um prêmio da cidade. Hoje, por meio do SIIM (Sistema de Informações Integradas Municipais) é possível conhecer com detalhes as demandas e as necessidades da população, tudo acontecendo com muita rapidez. 

Revista destaca o trabalho de Jundiaí

A revista Wirelles Mundi, especializada no assunto, destaca na sua edição deste mês a conquista alcançada por Jundiaí. Em reportagem da jornalista Ana Cecília Americano, a Mundi mostra alguns avanços da Prefeitura com serviços virtuais, como a abertura de empresas, cuja demanda é feita e atendida tudo pela web, num processo automático. O e-156 também é apontado na reportagem como um serviço de grande benefício para o cidadão, além da “Compra Aberta”, que evidencia a transparência com que os processos licitatórios são conduzidos pelo governo municipal. Na prática, toda a gestão municipal é informatizada, abrangendo mais de 200 escolas e 43 unidades de saúde.


Confira as cidades mais digitais da pesquisa:

1.º - Belo Horizonte (MG);
2.º - Curitiba (PR);
3.º - Porto Alegre (RS);
4.º - Vitória (ES);
5.º - Ibirapuitã (RS):
5.º - Jundiaí (SP);
6.º - Campinas (SP);
7.º - Santos (SP);
7.º - São Carlos (SP);
8.º - Tarumã (SP); 9.º - São Paulo (SP);
10.º - Tauá (CE).



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Jundiaí Online.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2021, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.