Terça-Feira, 20 de Abril de 2021

Mais lidas da semana

5/7/2011= - Jundiaí - SP

Código de obras - Secretaria avalia propostas




da assessoria de imprensa da prefeitura de Jundiaí

A Secretaria de Obras da Prefeitura de Jundiaí recebeu sugestões de entidades que participaram da reunião que abriu as discussões sobre o novo Código de Obras que está em processo de elaboração. As sugestões foram encaminhadas à Secretaria durante os meses de maio e junho.

As discussões começaram na segunda quinzena de abril com reunião onde a Secretaria de Obras distribuiu a proposta da Prefeitura sobre o novo Código. Participaram desta primeira reunião membros do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), Associação dos Engenheiros de Jundiaí (AEJ), Associação das Empresas e Profissionais do Setor Imobiliário de Jundiaí (Proempi), Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Estado de São Paulo (CREA-SP), além de escolas que mantém cursos na área de construção civil e profissionais do segmento.


A apresentação inicial no encontro foi feita pelo secretário de Obras, Sinésio Scarabello Filho que lembrou da criação do Código de Obras, em 1965, sua atualização em 1995 e complementações até esta data. A idéia, segundo ele, não é refazer o código, mas ampliar, com novas normas. Scarabello afirma que a intenção é fazer uma revisão aberta e totalmente transparente com as entidades envolvidas e com a população.

Após a reunião de abril, os participantes receberam cópias do texto para analisar e preparar sugestões de mudanças ou de ampliação do projeto. Agora, a Comissão elaboradora do novo Código de Obras do município está avaliando todas as sugestões recebidas e deve realizar, ainda este mês, uma grande reunião para começar a definir o texto final do projeto.

Segundo o secretário de Obras, Sinésio Scarabello, é importante que toda a sociedade participe da elaboração do projeto, pois vai servir para mostrar o interesse da cidade em ações deste porte. Após as discussões e a finalização do projeto, a Secretaria deve marcar audiências públicas que, segundo o secretário, devem estar limitadas a duas. “Se houver mais, pode ocorrer no período em que o projeto estiver na Câmara e seriam marcadas, então, pelos vereadores”, afirma Scarabello. A expectativa do secretário é que, após a análise das sugestões recebidas, a Comissão deverá se reunir uma vez por semana, até o final de setembro para que, em outubro ocorram as audiências públicas.

Scarabello afirma que o Código de Obras não sofrerá mudanças radicais, mas criando ações em torno de sustentabilidade, mobilidade e acessibilidade. Na área de sustentabilidade, a Secretaria quer criar estímulos e não obrigatoriedade. “Vamos mostrar à população que é importante o reaproveitamento da água, a instalação de energia solar, por exemplo. É fundamental a conscientização para uma cidade voltada ao meio ambiente”, garante o secretário.

Elaborado este texto final, o mesmo será encaminhado à Câmara Municipal para votação. Para o secretário de Obras, “o importante é a participação de todos neste processo e devemos discutir com calma o texto a ser aprovado, pois é ele que vai reger as obras particulares do município.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Jundiaí Online.


Enviar esta notícia por email

Imóveis em Jundiaí

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

O mercado de Aluguel de louças aumentou (e ficou ainda mais qualificado) de uns anos para cá. Um exemplo? Outro dia estava organizando uma lista de materiais que precisariam ser alugadas (Aluguel de louças para festas) para um festa

O serviço de locação para festas esta na zona sul em São Paulo.Sendo do ramo de locação para festas.



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2021, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.