Segunda-Feira, 23 de Outubro de 2017

24/2/2011 - Jundiaí - SP

Começam as obras que ligam o Centro à Ponte São João




da assessoria de imprensa da prefeitura de Jundiaí

As obras que vão ligar o Centro da cidade à Ponte São João já começaram. A primeira etapa está sendo executada na avenida Alessio Zomignani. Ao mesmo tempo que as obras se desenvolvem neste trecho, uma outra equipe atua na construção da ponte sobre o rio Jundiaí, na vila Graff. As obras se desenvolvem em ritmo acelerado.

Na rua Alessio Zomignani, onde a Prefeitura desapropriou um quarteirão, estão sendo construídas as galerias de águas pluviais. Em seguida, o trecho recebe asfalto, com as obras terminando junto à rua Dino. Na outra ponta desta avenida há um prédio da fábrica Pozzani, em processo de desapropriação, para dar sequência a esta via, até a Avenida Frederico Ozanan. Neste ponto, serão construídas duas pontes para ligar à rua Coronel Mendes Pereira. O valor esta obra está orçada em R$ 5,1 milhões e está sendo executada pela construtora Esur.

A melhoria do acesso ao bairro da Ponte São João e à região Leste do Município começou a ser estudado logo nos primeiros dias da atual administração e as pesquisas desenvolvidas indicaram que a solução mais adequada se constituía na construção de passagem sob a ferrovia na altura da Rua Coronel Antonio Mendes Pereira, interligando Avenida dos Ferroviários à Avenida Antonio Frederico Ozanam; e ponte sob o rio Jundiaí, permitindo a continuidade da ligação viária até a Rua Dino, passando pela Rua Alessio Zomignani.


Definida a solução, foi contratado o projeto executivo e realizadas as desapropriações de 47 imóveis nas ruas Aléssio Zomignani, Coronel Antonio Mendes Pereira e Carlos Gomes e iniciadas as providências para aprovação do projeto pela ALL (Concessionária da Ferrovia) e IPHAN. A aprovação na ALL foi obtida no mês de dezembro último e a aprovação pelo IPHAN encontra-se em tramitação.


Durante este ano, deve ser licitada a segunda etapa das obras que envolve a construção das galerias e pavimentação da avenida Coronel Antonio Mendes Pereira, na Vila Graff e a passagem sob a ferrovia. Esta fase inclui também a conclusão com a construção das alças de acesso na avenida União dos Ferroviários.


A construção do túnel, principal obra do Complexo Viário da Ponte São João, foi a melhor opção da Prefeitura, por exigir menos desapropriações, causar menos transtorno na paisagem urbanística e por apresentar o menor custo de realização.



Mais uma ponte


O complexo vário, além da transposição inferior, prevê ainda obras de realinhamento da ponte ao término do Viaduto Sperandio Pelliciari (Duratex) e na construção de outras duas pontes ao longo da avenida Antonio Frederico Ozanan (Marginal do Rio Jundiaí). Uma delas, junto à avenida Américo Bruno, ligando a Ozanan à Avenida dos Imigrantes Italianos, começou a ser construída agora. Esta obra está orçada em R$ 2 milhões e visa melhorar o acesso à Avenida dos Imigrantes, reduzindo o número de veículos sobre a ponte no final do viaduto Sperandio Pelliciari.


A construtora Argus Engenharia e Construção Civil Ltda venceu a concorrência e está executando esta obra. A segunda, também em construção, junto à CPFL, próximo à divisa com Várzea Paulista, teve um problema estrutural e deverá receber reforço na base para se concluída.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Jundiaí Online.


Enviar esta notícia por email
Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2017, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.