Domingo, 25 de Agosto de 2019

24/2/2011 - Jundiaí - SP

Começam as obras que ligam o Centro à Ponte São João




da assessoria de imprensa da prefeitura de Jundiaí

As obras que vão ligar o Centro da cidade à Ponte São João já começaram. A primeira etapa está sendo executada na avenida Alessio Zomignani. Ao mesmo tempo que as obras se desenvolvem neste trecho, uma outra equipe atua na construção da ponte sobre o rio Jundiaí, na vila Graff. As obras se desenvolvem em ritmo acelerado.

Na rua Alessio Zomignani, onde a Prefeitura desapropriou um quarteirão, estão sendo construídas as galerias de águas pluviais. Em seguida, o trecho recebe asfalto, com as obras terminando junto à rua Dino. Na outra ponta desta avenida há um prédio da fábrica Pozzani, em processo de desapropriação, para dar sequência a esta via, até a Avenida Frederico Ozanan. Neste ponto, serão construídas duas pontes para ligar à rua Coronel Mendes Pereira. O valor esta obra está orçada em R$ 5,1 milhões e está sendo executada pela construtora Esur.

A melhoria do acesso ao bairro da Ponte São João e à região Leste do Município começou a ser estudado logo nos primeiros dias da atual administração e as pesquisas desenvolvidas indicaram que a solução mais adequada se constituía na construção de passagem sob a ferrovia na altura da Rua Coronel Antonio Mendes Pereira, interligando Avenida dos Ferroviários à Avenida Antonio Frederico Ozanam; e ponte sob o rio Jundiaí, permitindo a continuidade da ligação viária até a Rua Dino, passando pela Rua Alessio Zomignani.


Definida a solução, foi contratado o projeto executivo e realizadas as desapropriações de 47 imóveis nas ruas Aléssio Zomignani, Coronel Antonio Mendes Pereira e Carlos Gomes e iniciadas as providências para aprovação do projeto pela ALL (Concessionária da Ferrovia) e IPHAN. A aprovação na ALL foi obtida no mês de dezembro último e a aprovação pelo IPHAN encontra-se em tramitação.


Durante este ano, deve ser licitada a segunda etapa das obras que envolve a construção das galerias e pavimentação da avenida Coronel Antonio Mendes Pereira, na Vila Graff e a passagem sob a ferrovia. Esta fase inclui também a conclusão com a construção das alças de acesso na avenida União dos Ferroviários.


A construção do túnel, principal obra do Complexo Viário da Ponte São João, foi a melhor opção da Prefeitura, por exigir menos desapropriações, causar menos transtorno na paisagem urbanística e por apresentar o menor custo de realização.



Mais uma ponte


O complexo vário, além da transposição inferior, prevê ainda obras de realinhamento da ponte ao término do Viaduto Sperandio Pelliciari (Duratex) e na construção de outras duas pontes ao longo da avenida Antonio Frederico Ozanan (Marginal do Rio Jundiaí). Uma delas, junto à avenida Américo Bruno, ligando a Ozanan à Avenida dos Imigrantes Italianos, começou a ser construída agora. Esta obra está orçada em R$ 2 milhões e visa melhorar o acesso à Avenida dos Imigrantes, reduzindo o número de veículos sobre a ponte no final do viaduto Sperandio Pelliciari.


A construtora Argus Engenharia e Construção Civil Ltda venceu a concorrência e está executando esta obra. A segunda, também em construção, junto à CPFL, próximo à divisa com Várzea Paulista, teve um problema estrutural e deverá receber reforço na base para se concluída.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Jundiaí Online.


Enviar esta notícia por email

Imóveis em Jundiaí

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

O mercado de Aluguel de louças aumentou (e ficou ainda mais qualificado) de uns anos para cá. Um exemplo? Outro dia estava organizando uma lista de materiais que precisariam ser alugadas (Aluguel de louças para festas) para um festa



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.