Quarta-Feira, 22 de Novembro de 2017

16/3/2011 - Jundiaí - SP

Jundiaí prepara mais uma edição do Xô Dengue




da assessoria de imprensa da prefeitura de Jundiaí

A 13ª edição do Xô Dengue será realizada no dia 25 de março. A açã envolverá agentes do Centro de Controle de Zoonoses, agentes comunitários de saúde e soldados do 12º Grupo de Artilharia e Campanha (GAC) e vai reforçar os trabalhos de prevenção da doença na cidade combatendo os criadouros do mosquito Aedes aegypti e conscientizando a população. 

De acordo com a coordenadora do Programa Municipal de Controle do Vetor Transmissor da Dengue, Ana Lúcia de Castro Silva, a expectativa é de visitar cerca de 10 mil imóveis num único dia. Em 2010, a ação registrou 12.485 visitas. Foram coletadas 98 amostras de mosquito, sendo 80 positivas para o mosquito Aedes aegypti. "O Xô Dengue tem uma importância educativa e entomológica, possibilitando a coleta de larvas, identificação das mesmas e avaliação do comportamento do mosquito", adiantou Ana Lúcia.



Segundo ela, o Centro de Controle de Zoonoses finaliza nesta semana a relação dos bairros que serão visitados durante o Xô Dengue, levando em conta os critérios de infestação por meio do Índice de Breteau, que avaliou a densidade larvária no município, e outras atividades desenvolvidas pelo programa de controle da dengue, como locais que apresentaram casos suspeitos e confirmados da doença.

Os soldados do Exército passarão por treinamento na próxima semana e receberão orientações sobre a abordagem da população, o combate aos focos e aos criadouros. "Os soldados sempre nos auxiliam neste evento e são muito bem recebidos pela população", disse Ana Lúcia.

Além de orientar a população sobre as medidas preventivas, o Xô Dengue deste ano também vai reforçar as informações sobre os sintomas da doença, uma vez que o diagnóstico correto permite ações imediatas nos locais. "Vamos orientar as pessoas a procurarem um médico se apresentarem os sintomas da doença", informou a coordenadora, lembrando que os sintomas são dor no corpo, dor no fundo dos olhos, febre, prostração e vermelhidão no corpo.

O Xô Dengue é mais uma ação desenvolvida pela Secretaria Municipal de Saúde para manter a situação sob controle na cidade. Atualmente são 8 casos confirmados da doença, sendo sete deles importados. Cidades da região, a exemplo de Sorocaba, já apresentam epidemia de dengue. 

O Centro de Controle de Zoonoses desenvolve, ainda, trabalhos em pontos estratégicos (ferro velho, borracharia) e imóveis especiais (escolas, empresas). É permanente também o trabalho do Núcleo de Educação do CCZ. Ana Lúcia explicou que toda ação ó terá um resultado efetivo se houver o engajamento da população, que deve combater os criadouros evitando água parada.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Jundiaí Online.


Enviar esta notícia por email
Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2017, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.