Domingo, 16 de Maio de 2021

20/5/2011 - Jundiaí - SP

Mais Emprego e Renda - Jundiaí gera 925 novos postos de trabalho em abril e supera 2010




da assessoria de imprensa da prefeitura de Jundiaí

Jundiaí fechou o mês de abril com a geração de 925 novos postos de trabalho. Os números refletem um aumento de 14,3% em relação ao mesmo período do ano anterior (809). No acumulado do ano, a cidade registra um saldo positivo de 3.774 pessoas com carteira de trabalho assinadas.

A geração de emprego, de acordo com o prefeito Miguel Haddad, sempre foi uma de suas principais preocupações. "O desenvolvimento econômico e social da cidade, sem abrir mão da preservação ambiental, tem estimulado a vinda de novas empresas, o que aquece o mercado de trabalho de uma forma geral. Por isso, estimulamos a qualificação da mão de obra, por meio de parcerias com instituições de ensino, como Fatec, Senais e Senac, além de universidades e colégios que oferecem cursos técnicos. As medidas são incentivos para que a oferta de empregos seja atendida por jundiaienses e moradores da região", disse o prefeito.

Serviços e Indústria de Transformação foram os setores que mais empregaram no mês de abril: 845 novos postos de trabalho gerados. Estes também são aqueles que mais empregaram no quadrimestre: 2.690 novos empregos. “Estes setores são os que mais movimentam a economia: o de serviços inclui leva em consideração a movimentação do comércio e nossa diversidade econômica no setor industrial é outro motivador para alcançarmos estes números”, explicou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ari Castro Nunes Filho.


Investimentos


O primeiro quadrimestre de 2011 fechou com números expressivos para a economia jundiaiense: R$ 103,9 milhões já foram anunciados em investimentos na cidade. Destes, R$ 15,9 milhões são de reinvestimentos e o restante, R$ 88 milhões, são de implantação de novas empresas.


Entre as novidades na cidade, o secretário de Desenvolvimento Econômico destacou a Horiba do Brasil, o CLA (Centro Logístico Anhanguera) e a Bematech. Na avaliação do Ari Castro, os números demonstram a força da economia local e que, mais que isso, refletem os investimentos que tornam a cidade competitiva e, consequentemente, atraem mais investimentos. “A qualidade da nossa mão de obra é outro fator que alavanca a vinda de novas empresas e geram emprego e renda para a cidade. Nestes primeiros meses, já recebemos a visita de várias empresas interessadas em investir na cidade e ampliar seus negócios”, analisou.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Jundiaí Online.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2021, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.