Segunda-Feira, 23 de Outubro de 2017

22/2/2011 - Jundiaí - SP

Polytheama 100 anos - André Marques e Vintena Brasileira abrem a programação das festividades




da assessoria de imprensa da prefeitura de Jundiaí

2011 é o ano do Polytheama e, sendo assim, para marcar merecidamente este momento tão importante para a cidade, a Prefeitura de Jundiaí – por meio da Secretaria Municipal de Cultura – vem promovendo uma série de atividades e espetáculos, para todas as idades e estilos, enriquecendo a trajetória histórica do Teatro. Dessa forma teve início no sábado (19), a programação de espetáculos em comemoração ao centésimo aniversário de um dos mais tradicionais e renomados espaços de cultura e lazer do país: o Teatro Polytheama. A apresentação esteve a cargo do maestro André Marques e a orquestra Vintena Brasileira.

Um jovem pianista, talentoso maestro, uma senhora orquestra, tudo perfeito para homenagear um respeitável teatro em noite de muito brilho. André Marques é pianista desde os 11 anos, toca desde 1994 com Hermeto Pascoal e foi com o mestre que excursionou por todo o Brasil, Europa, EUA, Japão, África do Sul, México, Caribe , Argentina, Colômbia, Chile e Uruguai participando de grandes festivais. A sua atuação foi tão notável que chegou a ser comentada em jornais como “The New York Times” e “The Guardian”.


À tarde, antes do show, maestro e músicos da orquestra promoveram um workshop gratuito para um público bastante seleto de profissionais da música e admiradores. No ritmo, acompanhando a batuta, toda originalidade do trabalho do maestro e sua Vintena Brasileira - criada em 2003 pelo pianista André Marques a partir da idéia de se realizar uma oficina de ritmos brasileiros, com músicos formados pelo Conservatório Musical de Tatuí (SP) - formada por um grupo afinado reunindo mais de 30 instrumentistas, entre violinistas, flautistas, violoncelistas, saxofonistas, além da versatilidade e o desempenho eclético de gaitas, acordeon e quatro guitarras elétricas.

Adeptos da “Música Universal” – terminologia utilizada por Hermeto Pascoal para denominar a sua música, que conta com os mais variados ritmos, linguagens e instrumentos (os improvisados dão um toque diferente, brasileiríssimo!), a orquestra apresentou uma série de composições inéditas de André Marques.

O workshop teve por proposta mostrar como se desenvolve o trabalho do grupo, voltado para estudantes e professores de música; deu um completo show na apresentação de ritmos brasileiros, assim como suas linguagens de improvisação trabalhada pela orquestra. Além do processo de criação dos arranjos e como essa mescla de elementos variados em uma só música pode soar naturalmente, produzindo efeitos únicos e marcantes.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Jundiaí Online.


Enviar esta notícia por email
Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2017, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.