Sábado, 16 de Janeiro de 2021

29/6/2011 - Jundiaí - SP

Projeto Batuta faz sua primeira apresentação em conjunto com os músicos do Colégio Divino Salvador




da assessoria de imprensa da prefeitura de Jundiaí

A plateia estava lotada. Os músicos do Coral e da Orquestra Juvenil do Colégio Divino Salvador já estavam posicionados. Este foi o cenário encontrado pelos trinta alunos do Projeto "Batuta", desenvolvido pelo Fundo Social de Solidariedade (FUNSS), ao chegarem até o salão paroquial da igreja da Vila Arens, onde se apresentaram pela primeira vez. A parceria com os grupos musicais do colégio objetivou a integração dos alunos por meio da música e permitiu que as crianças do jardim Sorocabana, integrantes do "Batuta", pudessem entrar em contato com um orquestra já formada. 

Emocionada com a apresentação, a diretora do Fundo Social de Solidariedade, Maria Olívia Gonçalves, falou sobre a importancia da apresentação para o FUNSS e para os alunos do programa. "É muito significativo para o Fundo Social saber que, com apenas um mês e meio de aula, as crianças já puderam acompanhar uma orquestra formada. Essa foi uma oportunidade maravilhosa para as nossas crianças, que viram de perto os resultados que o futuro da música lhes proporcionarão", diz Maria Olívia. 


Com a Orquestra Juvenil, os alunos do Fundo Social tocaram o Pizzicato e na apresentação do coral da escola puderam entoar as notas da escala músical. " Eles se superaram. Todos mantiveram a postura de músico, cantaram as notas musicais de forma harmoniosa, ficaram concentrados durante as outras apresentações e, o mais importante, puderam sentir a música", conta Sandra Gebran, professora e regente do Projeto "Batuta".

O coral e a orquestra do Colégio Divino Salvador existe há 15 anos e periodicamente promove apresentações. Para a regente da orquestra, Claudia Queiroz, a iniciativa foi importante para ambos os alunos. " A troca realizada no encontro é sempre fundamental para o aprendizado. Os alunos do colégio ficaram orgulhosos em receber e ser exemplos para os que estão começando. É a experiência prática de que a música pode lhes trazer resultados incríveis", afirma a Claudia.

Com os olhos fixos na filha Jenifer, a mãe Zélia dos Santos, ficou encantada com a apresentação. "Não imaginava que um dia minha filha aprenderia a tocar um instrumento tão grande e difícil como o violoncelo. Tenho certeza de que essa foi a primeira de muitas apresentações", comenta a mãe.

Projeto "Batuta"

Desenvolvido há um mês e meio na sede do Fundo Social de Solidariedade, o Projeto busca formar e integrar as trinta crianças do Jardim Sorocabana por meio do ensino da música. Em parceria com a Secretaria de Transportes, Educação, Caixa Econômica Federal, Fundação Municipal de Ação Social ( FUMAS) e Panificadora Kely, o projeto busca formar com os alunos uma orquestra de cordas. Logo que integraram o projeto, cada aluno escolheu o instrumento de sua preferência, e já passaram a ter diariamente aulas com a professora Sandra Gebran. O transporte das crianças e o lanche no final da aula também são garantidos nos dias de aula. 



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Jundiaí Online.


Enviar esta notícia por email

Imóveis em Jundiaí

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

O mercado de Aluguel de louças aumentou (e ficou ainda mais qualificado) de uns anos para cá. Um exemplo? Outro dia estava organizando uma lista de materiais que precisariam ser alugadas (Aluguel de louças para festas) para um festa

O serviço de locação para festas esta na zona sul em São Paulo.Sendo do ramo de locação para festas.



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2021, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.