Segunda-Feira, 27 de Setembro de 2021

10/6/2011 - Jundiaí - SP

Recordações e vivências marcam o lançamento do livro da Creche do Idoso




da assessoria de imprensa da prefeitura de Jundiaí

Lá fora, chuva forte e tempo frio. Já no interior do salão principal do Centro de Referência do Idoso (CRIJU) muita animação, emoção e calor humano durante a realização do primeiro Evento Literário. Promovido pela Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (Semads), o encontro ganhou toque especial com o lançamento do livro Felicidade em Versos Ensolarados, produzido pelos assistidos do Centro Público de Atendimento ao Idoso (CEPAI), carinhosamente chamado de Creche do Idoso.

Desenvolvido durante as oficinas culturais, o livro é uma releitura da obra Sol no Poente, da escritora Aparecida Mariano de Barros, e reúne pensamentos, sentimentos, reflexões e experiências dos 36 idosos atendidos diariamente no CEPAI. Com 64 páginas, Felicidade em Versos Ensolarados é publicado pela Editora In House e faz uma homenagem aos idosos do CEPAI, tanto aos atendidos atualmente como àqueles já falecidos, além de ser dedicado ao Prefeito Miguel Haddad.


O evento contou com a presença da secretária Maria Aparecida Rodrigues Mazzola (Semads) - representando o prefeito Miguel Haddad, Nivaldo Bonassi (presidente do Conselho do Idoso), Laércio Barros dos Santos (diretor de proteção social básica), a autora Aparecida Mariano de Barros, Sônia Ferraz (coordenadora do CEPAI) e Vera Herculano (coordenadora do CRIJU), além de familiares, amigos, convidados e dos idosos dos dois equipamentos públicos.

Para a secretária, a iniciativa é uma forma de estimulá-los a trabalhar o raciocínio e de contribuir com a autoestima e sociabilidade de cada um. “É preciso evidenciar que, embora a idade chegue, a vida sempre faz sentido”. Aparecida Mariano Barros, escritora e inspiração para os idosos autores da releitura, não escondeu a emoção. “Este carinho alimenta a alma. Nunca vou me esquecer de vocês e desta homenagem tão linda que Jundiaí preparou para mim”.

Momento de festa

A felicidade estampava o sorriso de Laís Caetano Perion, 84 anos. O aposentado, que frequenta o CEPAI há mais de três anos, emocionou-se ao retratar a sua infância entre os versos que compuseram o livro e, principalmente, de contar com a presença da filha, Carolina Perion no lançamento da obra: “Gostava de estilingue e de cabular a aula. Meu pai, todo sério, se irritava comigo por diversas vezes, mas era um grande homem. Hoje, minhas lembranças e experiências ajudam a dar forma para este livro. É um dia muito feliz”.

As amigas Antonia Romero Marine e Tersília Negrine também contam histórias no livro do CEPAI. “Passou um filme em minha cabeça durante a produção dos versos. Momentos felizes e até tristes vividos desde a minha infância até os dias de hoje se misturaram e resultaram em experiências para serem compartilhadas”, diz Antonia. Já Tersília adorou o processo de elaboração do material. “Sempre gostei de escrever versos, cantar e recitar poemas. Dividir parte de minha história foi uma delícia”.

Para Deládia Primo Dalsóglio, filha de Deolinda Fernandes Pereira, a iniciativa é uma excelente oportunidade para motivar os idosos nesta fase da vida: “Muitos ficam com preguiça até de pensar. Deste modo, proporcionar atividades lúdicas, sociais e recreativas é contribuir para a qualidade de vida”. A tarde literária também contou com a apresentação do Coral do CEPAI e de declamações de poemas e lanche para todos os presentes.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Jundiaí Online.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2021, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.