Segunda-Feira, 20 de Setembro de 2021

11/8/2011 - Jundiaí - SP

Reunião marca despedida de Nuno Portas de Jundiaí




da assessoria de imprensa da prefeitura de Jundiaí

O arquiteto português Nuno Portas reuniu-se na manhã desta terça-feira (10) com técnicos municipais das secretarias de Planejamento e Meio Ambiente, Administração, Transportes e Obras. O encontro, considerado uma reunião de pós-avaliação do Seminário Internacional de Planejamento Urbano, também serviu como despedida de Jundiaí.

Nuno foi quem abriu os dois dias de debates e sua palestra enfatizou a necessidade de envolver a região na discussão dos planejamentos das cidades. Além da sua participação, ele acompanhou todas as palestras e discussões que o sucederam. “É um processo contínuo que deve envolver a participação de diversos atores: população, poder público, parceiros e investidores”, lembrou.

Juntos com Nuno Portas, os secretários Jaderson Spina (Planejamento e Meio Ambiente), Clóvis Marcelo Galvão (Administração), Sinésio Scarabello Filho (Obras), o presidente da FUPAM (Fundação para a Pesquisa em Arquitetura e Ambiente), o engenheiro Pedro Taddei, e técnicos das respectivas secretarias fizeram uma avaliação que levou em conta a participação das pessoas, as discussões, o alcance e o conteúdo das palestras e os encaminhamentos dos materiais gerados no seminário. As contribuições feitas pelos participantes das oficinas – último módulo do evento – serão reunidas pela FUPAM e analisadas pela prefeitura para serem incorporadas aos processo do novo plano diretor.


Operacionalização

Nuno voltou a reforçar a importância dos planos permitirem uma discussão contínua, para garantir o sucesso na elaboração e na operacionalização dos planos diretores. “É importante negociar ações intermunicipais, reforçando a visão de conjunto e de ligação com os municípios vizinhos. Esta aproximação deve ser pelas afinidades daquilo que pretendem ou pelas diferenças”, destacou.

Para o arquiteto, seria possível reunir as cidades em clusters (conjunto de municípios) de acordo com os interesses comuns ou problemas e necessidades a serem resolvidos.

Apesar de não ter tido tempo de conhecer melhor a cidade, Nuno disse ter ficado impressionado com Jundiaí e com as reservas ambientais. “É uma cidade nova, bem diferente da realidade dos países e cidades européias. É dona de um desenvolvimento recente e com crescimento bastante acentuado”, comentou, destacando a qualidade de vida e o nível cultural do município.

Nuno ainda recomendou aos técnicos e secretários municipais no trabalho de elaboração do plano para a cidade. “A chave do sucesso do município, mesmo com as mudanças políticas é um criação de um grupo de trabalho que tenha coragem de enxergar o que não funciona e trabalhar para fazer funcionar no novo planejamento”, aconselhou.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Jundiaí Online.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2021, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.