Sexta-Feira, 24 de Maio de 2019

17/2/2011 - Jundiaí - SP

PEAMA - Único no mundo, projeto de dança será apresentado em Conferência Internacional




da assessoria de imprensa da prefeitura de Jundiaí

Ao som da trilha sonora do filme “O Piano”, a aluna do PEAMA (Programa de Esportes e Atividades Motoras Adaptadas), Isabela Ditt Cury, de 10 anos, ensaia com o professor de dança, Carlos Faustini, a coreografia que irá apresentar na 27ª Conferência de Síndrome de Rett, que acontecerá entre os dias 27 e 30 de maio, na cidade de Boston, nos Estados Unidos.

Portadora da síndrome de Rett desde os oito meses de idade, Isabela tem uma rotina especial: após acordar, a menina começa sua maratona de exercícios, que envolvem fisioterapia, fonoaudiologia, terapia ocupacional, hidroginástica e musicoterapia. Mas de todas as atividades, a que mais gosta é a aula de dança, que acontece na sede do PEAMA, todas as sextas- feiras. “Quando falo para ela que é dia de irmos ao PEAMA, os olhos dela vibram de alegria, mesmo não podendo se expressar verbalmente é visível sua empolgação. Lá, ela se encontra com outras crianças que, assim como ela, têm necessidades especiais”, comenta a mãe da menina, Márcia Ditt Cury.

O projeto de dança adaptada para portadores da Síndrome de Rett, realizado no PEAMA, é único no mundo e, por isso, o trabalho que é desenvolvido pelo professor Carlos Faustini será apresentado na 27ª Conferência de Síndrome de Rett. O evento é um encontro anual, no qual profissionais, pais e crianças do mundo todo se reúnem, para ver em primeira mão, o que há de mais recente nas atividades, tratamentos e pesquisas desenvolvidas na área. “Participando do Congresso, levaremos o nome de Jundiaí e o pioneirismo da atividade que é desenvolvida no PEAMA. Tenho certeza que voltaremos com novas informações sobre a doença e, assim, também poderemos contribuir com outras famílias da cidade que convivem com crianças Rett”, disse Márcia.


Os benefícios

Frequentar o PEAMA e participar das aulas de dança tem trazido inúmeros benefícios para Isabela. Segundo o professor Carlos Faustini, o contato com as outras alunas ajuda a menina a criar vínculos, diferentes dos estabelecidos com os pais. Na parte física, os estímulos ocasionados pela dança têm aumentado a concentração e a co
Pra quem observa o resultado final, pode pensar que é um número como outro qualquer, mas quem convive com ela, observa que os progressos são contínuosordenação de Isabela em outras atividades. “”, comenta o professor.

Apesar de saber que Isabela possui limitações, o professor afirma: “Por mais terapêutico que seja o processo de aprendizagem da dança, ela tem que ter movimento, e nesse sentido as conquistas de Isabela são gratificantes. Em um momento da coreografia, que será apresentada no Congresso, eu giro a roda da cadeira de rodas e é Isabela quem coloca as mãos para que ela pare de rodar, e assim concluímos mais uma etapa da coreografia”, diz Carlos.


Para a mãe de Isabela, o que importa em todo o processo da dança é ver a filha feliz. “Saber que um simples passo, um movimento mínimo com as mãos a deixa feliz, é o que me enche os olhos. A dança para ela é um momento de superação e felicidade”, afirma Márcia.


PEAMA

Com mais de uma década de história, o PEAMA foi fundado no ano de 1996 a partir de uma iniciativa pioneira da Prefeitura de Jundiaí, por meio da Secretaria Municipal de Educação e Esportes. Até os dias de hoje, o programa se mantém como o principal projeto a favor da inclusão de pessoas com deficiência, por meio da prática de atividades motoras, esportivas e recreativas. Atualmente, o programa possui 14 modalidades e atende mais de 200 alunos.

Para César Munir, coordenador do PEAMA, mostrar o trabalho que é realizado na sede é gratificante e promove ao PEAMA visibilidade e credibilidade. ”Ser apresentado em uma conferência desse porte, é muito significativo, pois é possível demonstrar a dedicação do grupo como um todo”, ressalta César.


Saiba como identificar uma criança com Rett

- Nascimento e desenvolvimento, aparentemente normais, até 6 a 18 meses;
- Diminuição do crescimento da cabeça;
- Perda temporária do contato social;
- Movimentos estereotipados das mãos;
- Comunicação predominante pelo olhar.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Jundiaí Online.


Enviar esta notícia por email

Imóveis em Jundiaí

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

O mercado de Aluguel de louças aumentou (e ficou ainda mais qualificado) de uns anos para cá. Um exemplo? Outro dia estava organizando uma lista de materiais que precisariam ser alugadas (Aluguel de louças para festas) para um festa



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.