Quinta-Feira, 29 de Outubro de 2020

9/11/2011 - Jundiaí - SP

Secretaria reúne feirantes para discutir atividade




da assessoria de imprensa da prefeitura de Jundiaí

O primeiro de uma série de seis encontros para discutir como melhorar a atividade nas feiras livres da cidade teve lugar, nessa segunda-feira (07), no auditório do Parque da Cidade. No total, 30 feirantes assistiram à apresentação feita pelo diretor da SMAA (Secretaria de Agricultura e Abastecimento), Edílson Chrispim. A intenção é discutir alternativas para melhorar ainda mais o trabalho, com foco na qualidade e na satisfação do consumidor final.

Segundo o diretor da SMAA, o objetivo é traçar um comparativo de como é feito hoje e como poderia melhorar, tanto na questão das boas práticas sanitárias, quanto no que diz respeito à apresentação dos produtos nas bancas. “Trouxemos como exemplo o farto material coletado em Cutiriba, quando da nossa visita àquela cidade, para conhecer o funcionamento das feiras”, disse Chrispim. Para ele, Jundiaí pode não só equiparar-se com o modelo apresentado como também superar em muitos aspectos. “São medidas simples, que não requeirem investimento por parte dos feirantes, mas que podem agregar valores à atividade, conquistando mais clientes e valorizando mais o produto que comercializam”, analisou o diretor.

Alguns pontos que o diretor colocou como uma meta a ser atingida é ampliar o número de bancas com pagamento eletrônico, hoje em torno de 30%. Segundo Chrispim, o perfil do consumidor hoje é outro e o pagamento eletrônico é quase uma exigência no mercado atual. Além disso, foi apresentado aos feirantes um modelo de sistema de abastecimento de água potável nas bancas, para melhorar as condições de higiene e também oferecer praticidade para o feirante, que passa cerca de dez horas por dia no local da feira. As próximas reuniões estão marcadas para os dias 22 e 29 de novembro e 6, 13 e 20 de dezembro.

Ações já adotadas

Chrispim destacou ainda que muita coisa já foi feita, por iniciativa da Secretaria de Agricultura, visando a contribuir com os feirantes. A implantação de sanitários químicos, por exemplo, a presença de energia elétrica em 100% da feiras, limpeza dos locais após as feiras e sinalização de trânsito.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Jundiaí Online.


Enviar esta notícia por email

Imóveis em Jundiaí

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

O mercado de Aluguel de louças aumentou (e ficou ainda mais qualificado) de uns anos para cá. Um exemplo? Outro dia estava organizando uma lista de materiais que precisariam ser alugadas (Aluguel de louças para festas) para um festa

O serviço de locação para festas esta na zona sul em São Paulo.Sendo do ramo de locação para festas.



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Blog  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2020, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.